Sinopse: Uma caixa de sapatos é enviada para Clay por Hannah, sua amiga e paixão platônica secreta de escola. O jovem se surpreende ao ver o remetente, pois Hannah fora acabou de se suicidar. Dentro da caixa, há várias fitas cassete, onde a jovem lista os 13 motivos que a levaram a interromper sua vida - além de instruções para elas serem passadas entre os demais envolvidos.
     Uma semana antes da série ser lançada eu vi um trailer dela e, simplesmente, fiquei louca para assistir, até contei os dias para o lançamento. Mas eu não a assisti no dia, assisti ontem, no sábado, com minha irmã e um amigo dela que estava na nossa casa. Nenhum de nós tínhamos lido o livro (sim, essa série foi inspirada em um livro, se você não sabia), ou seja, estávamos completamente abertos para o que viesse e como viesse. E assim começa essa resenha.


     13 Reasons Why, resumidamente, como dito na sinopse, vai falar de treze motivos que uma garota, Hannah Baker, teve para cometer suicídio. Porém, antes de morrer, Hannah gravou 13 fitas, e nelas, ela contou a história de sua vida, a história que a levou a morte. Nesses 13 motivos, pessoas estão envolvidas, e ela quer que todas essas pessoas escutem essas fitas (cada fita conta a história de uma pessoa, dentre os envolvidos). Quando um termina de escutar as fitas, passa para o próximo, e assim vai, assim foi como Hannah tinha 'mandado'.

     Nós acompanhamos o Clay na série, desde o recebimento das fitas, até sua reação ao escutá-las. Tem um lado ruim nisso, porque o Clay demora muito para escutar as fitas, eu, minha irmã e o amigo dela ficamos querendo pular o tempo todo para saber logo o que acontecia, mas não pulamos. Um dos lados bons de acompanhá-lo é que nós conseguimos mais de uma percepção da história, não é apenas a da Hannah e sim a do Clay junto, além dos outros envolvidos, de certa forma.

     Eu acho que o fato da Hannah ter gravado essas fitas e as enviado, foi para que eles não ficassem pensando que a morte dela foi apenas uma morte e sim, que eles vivessem com pelo menos uma parcela de culpa, porque eles a causaram. Foi para que eles ficassem sempre lembrando que eles tinham matado uma garota fazendo o que eles achavam "normal". Nessa concepção de normal, ser cruel é essencial.

     Se alguém achar bobo algum dos motivos, eu espero que essa pessoa nunca passe por isso, porque não é nem um pouco bobo, nenhum dos motivos. Todos levam ela a depressão, se você já teve ou conhece alguém que teve, deve saber que isso acaba com a pessoa, é muito difícil de superar. E a Hannah, tanto no ambiente escolar, como fora dele, sofria bastante com um bullying interminável, cometido tanto por garotos como garotas.

     Hannah só queria ter um ensino médio divertido, e acabou por nem terminá-lo. O primeiro beijo da garota acontece no ensino médio, mas talvez teria sido uma ideia melhor se ela o tivesse adiado. Porque foi aí que começaram os comentários que foram se transformando em bullying. Vou deixar o suspense no ar, suspense com cheiro de spoiler, mas sem spoiler.
     A princípio, eu pensei que seria mais um simples drama adolescente, mas a série, e o livro (embora ainda não tenha lido), é muito forte, fala sobre bullying, sexismo e depressão. Se você for uma pessoa que se coloca no lugar da personagem, seja lendo ou assistindo, você vai tomar as dores de Hannah, sobre tudo que ela passou. Gente, eu sou esse tipo de pessoa que se coloca no lugar dos outros, foi muito pesado assistir essa série, imagina quando eu ler o livro...

     Agora vamos falar sobre o Clay. Como já tinha dito, estava perdendo a paciência com ele porque ele demorava demais para escutar as fitas, e é por isso que a série tem 13 episódios, porque ele levou um século para escutá-las. Mas não é por causa disso que eu não gosto dele, muito pelo contrário, gosto bastante dele, o suficiente para 'shippar' ele com a Hannah, sim, eu sei que isso é triste e impossível porque ela está morta, mas o que é mais impossível, é não 'shippar'.

     Quando você começa a se envolver na série e ainda não chegou na fita do Clay, você fica pensando "COMO PODE ESSE MENINO TER FEITO ALGO PARA MATÁ-LA?", porque foi assim que eu, minha irmã e seu amigo ficamos, de verdade. Fui ver como estavam os comentários das pessoas sobre a série no twitter e percebi que a grande maioria compartilhava do mesmo pensamento. É difícil tentar enxergar algo que culpe o Clay, mas quando chega na fita dele tudo fica claro.

     Dá pra perceber que o Clay está em, basicamente, quase tudo que se passa na vida da Hannah, e no que ele não está, ele imagina como deve ter sido, além de visitar os locais dos acontecidos. É duro para Clay escutar todas aquelas fitas, porque ele era apaixonado por ela, e é por isso que ele demora tanto. Muito difícil para o personagem e para quem tá assistindo, porque gente, ficar imaginando um futura para os dois depois lembrar que ela está morta é muito triste.

     A cada episódio, uma fita diferente, uma pessoa diferente, uma história diferente. Mas tudo se encaixa, tudo leva ao sofrimento de uma garota do ensino médio. Essa história pode ser ficcional, mas existem muitas Hannah's por aí que precisam de ajuda, antes que os seus motivos se tornem mais fortes e elas não resistam e aceitem o suicídio como forma de se livrar de toda a dor que estão sentindo. Se você conhece uma Hannah ou compartilha dos pensamentos e sentimentos da Hannah, vai buscar ajuda, não deixe essas coisas te abalarem.

     Hoje tivemos uma resenha longa comparando com o que proponho para o blog, mas é que foi um assunto que tenho um interesse muito grande. Eu espero que você leia ou assista a série e tente refletir sobre a mensagem dela, acho que é o mais importante. Bom, se você já leu ou assistiu me conta aqui nos comentários, vou adorar ler o que você achou.

Dica: Se você gosta de posters de séries ou filmes tem um site ótimo para isso, com imagens com uma qualidade maravilhosa. É só baixar e levar para imprimir em folha A3 em uma gráfica. Bom, vou deixar o link aqui para posters dessa série, eles são lindos. Clique aqui.
~todas as imagens neste post foram retiradas de pesquisas no google~


*CUIDADO: COMENTÁRIOS COM SPOILERS*

  1.Gente, quando chega na fita da festa da Jessica, eu fiquei querendo morrer, sério. Quando passa aquela cena do Bryce estuprando ela então, e Justin sem fazer nada... Eu chorei, não vou mentir, imagina se isso acontece comigo ou com alguém que eu conheça?

  2.E quando chega na fita do Clay e Hannah fala que, na verdade, ele não era pra estar nessas fitas, EU FIQUEI PASSANDO MAL, chorei legal, ele ficou em uma bad tão horrorosa, e eu junto, claro.

  3.Tony falando como ele viu Hannah morta. Essa parte foi bem tensa, sabe.

  4.Outra coisa tensa, é saber como ela morreu exatamente, pesado.

22 Comentários

  1. Cara eu quero muito ver, mas estou com dois dilemas: 1- Não li o livro e gosto sempre de ler antes, 2- é bem pesada e to com medo de como vou ficar depois, só que a cada post me dá mais vontade de assistir.

    www.hurricanestars.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também estava pensando assim, mas assisti do mesmo jeito. E sim, vou ler depois, por mais que isso seja contraditório ao que eu normalmente faço. Assuste sim, é pesada, mas vale muito a pena.

      Excluir
  2. Ai gente, tô muito empolgada, eu só assisti três episódios até agora mas quero muuuuuito chegar na fita do Clay. Socorro.
    Eu acho que a demora dele para escutar as fitas é justamente o que dá graça para a série. Pois no livro, por exemplo, ele ouve tudo em uma noite então a série teria o quê? Dois episódios? E é só pela demora dele que podemos conhecer os outros personagens...
    Beijo!

    Sorriso Espontâneo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Simmm, a demora dele foi angustiante no momento em que estava assistindo, mas no final, eu apenas agradeci a ele por ter demorado tanto, haha. (Ps: amo seu bloguinho)

      Excluir
  3. Essa série é muito boaaaaa! estou vendo os poucos porque eu tenho muita prova esse mes, mas assim que der vou fazer maratona!
    Um beijo grande e muito GORDO
    thaissgalbiero.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é? <3 Também estou cheia de provas, mas tinha que abrir um espaço para a série, haha. Beijos!

      Excluir
  4. Terminei de assistir no sábado (sim, maratonei hahaha) e achei ela incrível em cada pedacinho. É muito bem pensada, muito bem escrita e atuada, além de mostrar uma mensagem super importante. Adorei o post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu estava ansiosa por ela, por isso maratonei também. E concordo com o que você disse, mas adiciono também o fato de nos deixar acabados depois de assistir.

      Excluir
  5. Estou acompanhando o livro, e não tinha conhecimento dá série, agr quero muito assistir essa serie, estou super curioso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assiste sim, certeza que vai gostar e se emocionar (demais por sinal).

      Excluir
  6. Não sabia a existência dessa série, adorei saber. Lpgo vou procurar para assistir, parace ser muito legal. E eu sou a Louca das SÉRIES, estou correndo um risco sério de viciar haha parabéns, sucesso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também sou a louca das séries, por isso a terminei em um dia mesmo, quando maratono uma série, esqueço até de comer (às vezes), kkk.

      Excluir
  7. Eu fiquei ansiosa para ler esse livro
    Ele é similar as os 13 porquês
    deve ser muito
    bom to a procura do livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quero bastante ler o livro, mas eu estou comprando apenas livros em inglês agora e ainda não achei ele em inglês x.x

      Excluir
  8. Eu já estava me coçando para ver essa série, depois da sua resenha, sua maravilhosa, eu vou ter que começar a ler o livro para chegar logo na sério (não me julgue, eu sou dessas que lê primeiro HAHAHA). Explicativa, instigante, amei seu texto. De verdade, quero muito, muito, muito ver!
    Refração Cultural

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhh, obrigada. Mas olhe, eu também sou dessas que lê primeiro, sendo que eu quero muito o livro em inglês e não consigo achar, acho que vou acabar importando, haha.

      Excluir
  9. Ah, eu já vi essa série, terminei ontem, é bem pesado mesmo! Mas é muito bom tratar de temas assim, porque a sociedade precisa saber que existem essas pessoas. Isso é importante de certa forma. Sucesso com seu blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Simmm, demais. Acho que por muito pouco não acabei sendo uma Hannah, é um assunto que tem que ser comentado sempre. Obrigadaa! <3

      Excluir
  10. Eu estou louca para olhar os 13 porquês, mas tenho outras séries em haver ainda rsrs. Sei que tem o livro na minha escola, mas nunca li. Adorei sua resenha, parabéns pelo blog! Beijos.

    www.gotadechampagne.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, se quando eu estivesse na escola tivesse esse livro, eu com certeza já teria o lido, haha. E eu te entendo muito bem com a questão de séries na frente, também tinha, mas abri uma exceção.

      Excluir
  11. Eu confesso que fiquei com medo de ler sua resenha, porque eu tô doido pra ver a série (acho que começo hoje) e seria horrível se tivesse algum spoiler. hahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahahah, spoilers apenas na área de spoilers. Assiste sim <3

      Excluir